Pequeno resumo histórico da formação da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Ovar:

Os incêndios no Furadouro:

Numa época em que a praia do Furadouro era constituída quase na totalidade por palheiros e outras construções em madeira, a falta de largura das ruas, a falta de ordenamento das habitações e a distância dos meios de socorro (4 quilómetros, no centro da cidade de Ovar), entre outras situações, levaram a uma conjugação de factores que resultaram em três grandes incêndios. O primeiro desses incêndios, também considerado o mais violento e pavoroso, teve lugar a 31 de Julho de 1881. Com uma duração de apenas 2 horas, destruiu um total de 321 casas, felizmente sem perda de vidas humanas. O segundo aconteceu a 14 de Julho de 1887, com a perda de 66 palheiros e 5 derrubados no combate às chamas, tendo o último ocorrido a 7 de Junho de 1892 com a destruição de fábricas de sardinha, depósitos de sal e, aproximadamente 200 habitações. Pode considerar-se estes três incêndios como a causa remota da fundação da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Ovar, tendo a causa próxima da sua organização sido um incêndio que deflagrou no dia 30 de Março de 1896 em casa de Domingos Soares. Este incêndio levou à formação de uma comissão organizadora de uma Associação de Bombeiros Voluntários em Ovar, comissão essa que se reuniu a 19 de Abril desse mesmo ano. Foi então formada, a 23 de Maio de 1896, a Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Ovar, com 14 sócios fundadores (1). Os primeiros estatutos foram aprovados nesse mesmo dia e tiveram a aprovação da Câmara Municipal, a 23 de Junho, e do Governador Civil do distrito de Aveiro, Visconde de Alenquer, a 20 de Julho desse ano.

(1) Os 14 sócios fundadores foram:

António Augusto Freire de Liz; Dr. António dos Santos Sobreira; Carlos Ferreira Malaquias; Francisco Marques da Silva e Costa; Frederico Ernesto Camarinha Abragão; João José Alves Cerqueira; Dr. João Maria Lopes; Dr. Joaquim Soares Pinto; José Luís da Silva Cerveira; José Marques da Silva e Costa; José Ramos; Justino de Jesus e Silva; Manuel Gomes Pinto; Silvério Lopes Bastos.

Adaptado de:

Lamy, Alberto Sousa, História da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Ovar – 1º Centenário 1896 – 1996, Edição dos Bombeiros Voluntários de Ovar, Maio de 1996.